top of page
Buscar
  • contatotexttou

Você mede seu ROI após uma Rodada de Negócios?


Foto da autora, Hellen Morais, durante Rodada de Negócios do Sebrae Minas em Pouso Alegre
Minha participação na Rodada de Negócios do Sebrae Minas em Pouso Alegre

E por quanto tempo você mede seu retorno sobre o investimento (ROI) após participar de uma Rodada de Negócios?


Por muitos meses segundo o que tenho aprendido em minhas participações como vendedora:


E seu investimento tem melhor retorno quando começa antes do evento corporativo. Quando você se dedica:


. ao estudo das empresas âncora


. à definição de objetivos de networking, parcerias, vendas, de aprendizado e de obtenção de informações sobre mercados


. à preparação de elevator pitch conforme a oferta mais estratégica para cada empresa


. ao planejamento de adaptações conforme o perfil psicológico de cada interlocutor


. à preparação de material para que o representante da empresa âncora leve um cartão on ou off-line e outra mídia que represente sua comunicação e seu posicionamento


O dia da rodada de negócios é uma oportunidade ímpar para você treinar suas habilidades de escuta, comunicação, análise e negociação.


Cada resposta e cada comentário do interlocutor são oportunidades de avaliar não apenas sua atuação naquele momento mas também os produtos e serviços que você apresentou.


Insights podem surgir de forma cadenciada e você pode aproveitar para testar algumas ideias com perguntas estratégicas sobre como seria o produto ou serviço que realmente atenderia as demandas da empresa âncora, entre outras questões.


E o improviso não é importante apenas nas negociações agendadas para que você extraia os melhores resultados da sua participação na rodada de negócios.


Identificar oportunidades de negociações e fazer contato com outros vendedores amplifica o volume de conexões e o ROI.


Ali está a oportunidade de conversar diretamente com tomadores de decisão, geralmente gerentes ou proprietários das empresas. Também estão ali informações de mercado, possibilidades de parcerias e até mesmo de permutas e vendas.


Ao final do dia, é muito provável que você não tenha concretizado uma única transação comercial.


Contudo, preste atenção no valor:

. dos feedbacks recebidos

. do aprendizado adquirido

. das informações circulantes

. dos insights gerados

. das conexões criadas

. dos relacionamentos iniciados

. do upgrade na visibilidade da sua marca


Caso você não faça uma avaliação do que colheu no evento (e do que pode colher a partir do dia seguinte) e não faça novas investidas e um follow up de respeito, ainda assim terá obtido pelo menos o "payback" do tempo investido e do valor pago para participar da rodada.


Algum ponto negativo? Bem, se você não teve cuidado ao compartilhar informações, pode ter gerado insights valiosos para outros vendedores e poderá encontrá-los como concorrentes em breve.


São riscos que toda empresa corre no cotidiano mas, com novos players, sua empresa tem o benefício indireto de ser constantemente estimulada a não parar de inovar, o que garante a permanência no mercado.


Desta vez, meu pós-evento começou com o contato de uma empresa com a qual não tive a oportunidade de me conectar durante a rodada de negócios e com o pedido de orçamento por parte de uma conexão feita num intervalo do evento. E é só o começo!


E você? Como mensura seu ROI após uma rodada de negócios ou outro evento corporativo?

Que tal compartilhar algumas lições também?


Hellen Morais

Consultora de Gestão, Marketing e Comunicação - texttou.com


Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page